2 – A SACERDOTISA

Tarot – Carta do dia

A SACERDOTISA (DEUSA PERSÉFONE – Rainha das Trevas) – CARTA / ARCANO 2

A figura (deusa Perséfone – A Sacerdotisa) que aparece na carta, agarra uma romã que é considerada uma relíquia sagrada da natureza, a romã é utilizada desde a antiguidade e simboliza o amor, a vida, a união, a paixão, o sagrado, o nascimento, a morte e a imortalidade. A jovem que a segura tem cabelos compridos e vestido branco e na cabeça uma coroa dourada. Perséfone – A Sacerdotisa, representa a ligação entre o consciente e o inconsciente. É uma mulher muito espiritual, demonstra forças ocultas, segredos, e revela-nos esta sabedoria, é ela a chave de ligação ao mundo do inconsciente, onde estão as faces por descobrir da nossa personalidade. A Sacerdotisa, opera no âmago da alma, as coisas revelam-se duma maneira natural através de sentimento, da intuição e dos sonhos.

No sentido divinatório, significa o aumento dos poderes de intuição e implica em uma espécie de chamado para ir de encontro ao oculto, o inconsciente. Pode haver um interesse repentino pelo esoterismo, uma intuição forte de que algo esteja acontecendo ou uma revelação através de um sonho. A Sacerdotisa significa que algo que estava oculto quer se manifestar, ou que as respostas procuradas podem ser encontradas no caos do mundo interior.

2 – A SACERDOTISA OU PAPISA

TAROT – CARTA DO DIA

A PAPISA – ARCANO II

Na Idade Média, no ano 814, uma mulher estudou medicina e tornou-se médica do papa, anos depois, tornou-se ela mesma papa. Claro que nesta altura, as mulheres não tinham expressão, nem tão pouco estudavam, por este motivo, aquela mulher que foi médica, vestia-se e comportava-se como homem, a identidade dela como mulher estava oculta. O papa João VIII, ou melhor, a papisa Joana, ocupou o cargo durante dois anos e acabou por engravidar, terminou o seu cargo e vida ao dar à luz a criança que trazia no ventre, em frente a uma enorme multidão, numa procissão que decorria na altura, para escândalo da igreja. Está escrito um romance histórico acerca desta personagem, bem como foi feito um filme a relatar a sua maravilhosa história.

Características da Carta Papisa: Mostra as dualidades do mundo (Bem e Mal, Consciente e Inconsciente, Luz e Escuridão); Conhecimento ancestral; Conhecimento oculto; Segredos; União da intuição e do pensamento racional; Sabedoria; Memórias; Recordações importantes; Representa mudanças internas que ocorrem com perseverança e suavidade; Vê para além do óbvio; Pode representar a gravidez.