20 – O JULGAMENTO

TAROT – CARTA DO DIA

O JULGAMENTO – ARCANO XX – por Vanda Cardiga

Apesar da carta se chamar julgamento, na realidade ninguém é julgado, não é necessário porque todos ascendem ao som da trompeta do anjo. O som da trompeta… nos relatos bíblicos, e não só, representa um papel importante,  pois o som da palavra cria vibrações e precede a criação! Este processo na Cabala, basicamente passa pela “Sephirah Daath”. O Julgamento está associado ao elemento fogo e ao planeta plutão. Plutão, energia de morte e transformação está associado a Daath. Esta Sephirah é conhecida como o Abismo, o desconhecido, a entrada para a Vida, e saída para a Morte. Somos originários de Kether, separamo-nos da unidade e encarnamos pelo pai e mãe (Chokmah e Binah) e saímos para a vida física em Daath. Na morte física o processo é inverso. Na carta do Julgamento vemos um ser feminino e outro masculino, através dos quais encarnamos ou representam na Cabala os pilares da Severidade e Misericórdia, respectivamente. Pelo Pilar do meio, o do Equilíbrio, encontra-se Daath (chakra laríngeo) e Yesod (chakra sexual), nesta última Sephiroth, encontra-se a serpente de fogo enrolada à volta de Yesod, que será canalizada, ascendendo pelo Pilar do meio, pelo canal central do corpo subtil que é conhecido como Sushuma, através do equilíbrio dos 2 pilares laterais, chegando a Kether através de Daath. O nível de consciência evolui, através da abertura dos chakras superiores: Laríngeo, Adjna e Coronário. Daath, está situada junto à laringe, ligada ao som, à palavra, assim sendo, o toque da trompeta do anjo, pode estar situado com o som, com a correcta palavra que é necessária, eu diria obrigatória, para este nível de evolução, por este motivo é que Hermes, ou Mercúrio (grafismo doutras cartas), o deus ligado à comunicação, segura o caduceu (elevação da energia kundalini). A carta do Julgamento está ligada à Ressurreição e/ou Renascimento, um nível mais elevado, onde a nossa verdadeira natureza é descoberta e exposta. A ligação não é apenas individual, é também uma ordem maior onde todos os seres se encontram ligados e dependentes uns dos outros, a libertação é colectiva, pela aceitação do próximo, pela falta de julgamento, pela compaixão.

Nesta carta é-nos pedido/exigido uma grande mudança, morremos para aquilo que fomos no passado, usamos a nossa sabedoria interna. O momento da alteração é aquele e não outro, o que era passado deve ficar mesmo para trás e não deve haver medo do desconhecido. Quando chega a hora, não há alternativa senão prosseguir, a vida dá-lhe uma 2ª oportunidade, os velhos hábitos terão de ficar para trás. 

Este texto é da autoria de Vanda Cardiga.

1 – O MAGO

TAROT – CARTA DO DIA

O MAGO – ARCANO I

CARACTERÍSTICAS MAIS VINCADAS: É o iniciador; Grande capacidade de persuasão e concretização; Desejos inconscientes que acontecem duma forma consciente; Não sabe tudo mas deve estar confiante das capacidades e conhecimentos duma forma cuidada; Focalização da meta a atingir; Atento a tudo; Deve tentar pôr em prática aquilo que fala;  Exprime a energia sexual masculina; Vai à luta; Vê soluções inovadoras.

Revela dons e habi­lidades criativas que ainda não se manifestaram, pode aparecer como uma onda de intuição com novas oportunida­des, ou então percepcionar possi­bilidades inexploradas. O Mago, possui capacidades que devem ser desenvolvidas, é a primeira carta com potencial de consciência, ainda estamos no início da jornada.

Todos temos características do poder mágico do Mago. Por um lado, esperando ser aberto, está o potencial de iluminação e empreendimentos ainda não sonhados, por outro, também o poder destrutivo de enormes proporções. É no Mago interior que os sonhos têm a possibilidade de se revelarem duma maneira consciente. Devemos avançar na medida certa, assim talvez os nossos medos se desvaneçam e não cheguem a ser expressivos.

Conheci um homem que não acreditava em magia
até descobrir ele próprio era um mago.”

Augusto Branco
Nascimento: 23 de Maio de 1980 (34 anos)
Biografia: Augusto Branco, pseudônimo de Nazareno Vieira de Souza é um poeta e escritor brasileiro.

Nasceu no coração da Amazônia, fruto da união de dois ribeirinhos que, um dia, tentaram a sorte na cidade: Dona Rosa e Senhor Raymundo.

2 – A SACERDOTISA OU PAPISA

TAROT – CARTA DO DIA

A PAPISA – ARCANO II

Na Idade Média, no ano 814, uma mulher estudou medicina e tornou-se médica do papa, anos depois, tornou-se ela mesma papa. Claro que nesta altura, as mulheres não tinham expressão, nem tão pouco estudavam, por este motivo, aquela mulher que foi médica, vestia-se e comportava-se como homem, a identidade dela como mulher estava oculta. O papa João VIII, ou melhor, a papisa Joana, ocupou o cargo durante dois anos e acabou por engravidar, terminou o seu cargo e vida ao dar à luz a criança que trazia no ventre, em frente a uma enorme multidão, numa procissão que decorria na altura, para escândalo da igreja. Está escrito um romance histórico acerca desta personagem, bem como foi feito um filme a relatar a sua maravilhosa história.

Características da Carta Papisa: Mostra as dualidades do mundo (Bem e Mal, Consciente e Inconsciente, Luz e Escuridão); Conhecimento ancestral; Conhecimento oculto; Segredos; União da intuição e do pensamento racional; Sabedoria; Memórias; Recordações importantes; Representa mudanças internas que ocorrem com perseverança e suavidade; Vê para além do óbvio; Pode representar a gravidez.

15 – O DIABO

TAROT – CARTA DO DIA

cropped-anjo-cac3addo2.jpgO DIABO – ARCANO XV

SIGNIFICADOS AGRADÁVEIS – Poder de influenciar terceiros; Realizações concretas; Protecção; Pessoa forte; Sexualidade; Grande capacidade de concretizar objectivos.

SIGNIFICADOS TENSOS – Sucesso pouco duradouro ou de consequência prejudiciais; Consumismo; Sonhos megalómanos; Sexualidade desregrada; Luta interior entre o bem e o mal; Intrigas; Uso de meios ilícitos.

Noite Apressada

Era uma noite apressada
depois de um dia tão lento.
Era uma rosa encarnada
aberta nesse momento.
Era uma boca fechada
sob a mordaça de um lenço.
Era afinal quase nada,
e tudo parecia imenso!Imensa, a casa perdida
no meio do vendaval;
imensa, a linha da vida
no seu desenho mortal;
imensa, na despedida,
a certeza do final.Era uma haste inclinada
sob o capricho do vento.
Era a minh’alma, dobrada,
dentro do teu pensamento.
Era uma igreja assaltada,
mas que cheirava a incenso.
Era afinal quase nada,
e tudo parecia imenso!Imensa, a luz proibida
no centro da catedral;
imensa, a voz diluída
além do bem e do mal;
imensa, por toda a vida,
uma descrença total!

David Mourão-Ferreira

Nascimento: 24 Fev 1927 // Falecimento: 16 Jun 1996
Poeta/Escritor

REI DE COPAS

TAROT – CARTA DO DIA

REI COPAS ORFEUEste Rei, apesar de ser frequentemente infeliz no amor, está conotado a uma elevada sensibilidade e amor verdadeiro. No baralho Mitológico está conotado ao mito de Orfeu, que foi buscar a sua amada ao submundo mas olhou para trás, contrariando o que lhe haviam dito, tal era a sua insegurança e medo de que a sua amada pudesse não vir atrás de si, perdendo-a definitivamente. Orfeu, o Rei de Copas, é a imagem do curador ferido, a figura que, pela compaixão e empatia, pode curar os outros, mas não pode curar o seu próprio coração.
Em termos concretos, o Rei de Copas, assinala sabedoria, maturidade emocional e estabilidade. Em termos relacionais, é o enamorado do tarot, a relação fogo/água dá-lhe inconsistência por serem dois elementos pouco compatíveis, logo necessita de se ver nos outros. Esta característica faz com que sinta necessidade de se ligar e verificar se o que projecta obtém verdadeiramente resultados. Esta ligação constante às pessoas, torna-o muito empático, com grande capacidade de análise à condição humana e boa capacidade de ajustamento às características individuais de cada um.
Esta carta indica boa possibilidade de avaliação às diversas situações, com excelente capacidade de acção, partindo duma emoção controlada e não do instinto, abertura de espírito, verdadeira sabedoria que advém da percepção e aceitação das mais e menos-valias da personalidade e capacidade de lidar com elas.

Nome do baralho: Golden Botticelli Tarot; Criador: A. Atanassov; Publicação: Lo Scarabeo 2007

A ÁRVORE DA VIDA E A ASTROLOGIA

A Árvore da Vida e a Astrologia

cabala_arvore da vida

Kether – A Coroa – Urano

Chokmah – Pai, Sabedoria – Neptuno

Binah – Mãe, Entendimento e Compreensão – Saturno

Daath – Anjo Caído, Conhecimento – Plutão

Chesed – Misericórdia – Júpiter

Geburah – Julgamento – Marte

Tiphareth – Cristo, Consciência, Beleza – Sol

Netzach – Vitória, Inspiração Artística ñ genial – Vénus

Hod – Esplendor – Glória – Mercúrio

Yesod – Alicerce, Fundação – Lua

Malkuth – Reino – Consciência Física – Terra

3 – A IMPERATRIZ

TAROT – CARTA DO DIA

A IMPERATRIZ – ARCANO 3

ATRIBUIÇÕES – Gravidez; Instinto maternal; Amor; Sensualidade; Alegria; Relacionamentos sentimentais; Fecundidade; Vitalidade feminina; Prazer sensual; Abundância; Desenvolvimento; Satisfação com a vida; Compaixão e Criatividade.

FRASES RÁPIDAS – Vida dedicada aos prazeres; Desperta para a vida sensual; Representa o poder feminino; Dedicação aos outros e a si mesma; Em harmonia com a natureza; Centrada na beleza e na arte; Dada a extravagâncias.

“A Maternidade não me Aborrece

A maternidade não me aborrece e devo afirmar até que, dada a influência determinante de minha mãe, em mim, sou uma pessoa marcada pelo signo materno. Tenho um apreço muito especial pela maternidade. Só que à mulher não compete apenas uma maternidade de tipo fisiológico. Cabe-lhe ultrapassar esse aspecto na medida em que pode conquistar uma sabedoria de tipo maternal para intervir no mundo, e orientá-lo. Um mundo onde só o homem tem a palavra, palavra essa que é origem de tantos desmandos, guerras, conflitos e soluções precárias de carácter económico e social.
Estruturalmente, a mulher é avessa, alérgica à ideia de guerra e de conflito. A sua própria experiência maternal a predispõe contra a guerra. Dá vida mas não gosta de contribuir para a sua destruição. É por uma actuação pacífica. Natália Correia, in ‘Entrevista (1969)”

Natália Correia

Nascimento: Fajã de Baixo, 13 Set 1923  ||  Falecimento: Lisboa 16 Mar 1993

Intelectual, activista e escritora conceituada. A sua acção enquanto activista passou pela defesa do património, dos direitos humanos, das mulheres e da cultura, onde, juntamente com José Saramago e outros conceituados escritores fundou a Frente Nacional para a Defesa da Cultura (FNDC). Enquanto escritora a sua obra estende-se por géneros variados, desde romances infantis passando por romances, viagens, teatro até à poesia, género pelo qual é reconhecida, destacando-se aqui Rio de Nuvens, 1947, O Dilúvio e a Pomba, 1979, O Armistício, 1985, entre outros.

8 OUROS


TAROT – CARTA DO DIA

8 OUROS – Nem a propósito ainda há dois dias escrevi acerca do 3 de ouros que representa trabalho, enquanto o 8 ouros representa trabalho mas, com particular ênfase, à obtenção e qualidade dos seus resultados. Esta é uma carta da mente, que constrói com método nos planos materiais, sendo o produto para além de útil, também belo. A inteligência é carinhosamente aplicada aos assuntos materiais, especialmente os relativos ao agricultor, ao artesão e ao engenheiro. 

A designação usada é de “A Prudência” e tem correspondência de Sol em Virgem. Este signo, é bastante perfeccionista e metódico, regido por mercúrio, significa que a comunicação e capacidade de raciocínio é bastante analítica e prática, trazendo uma percepção mais realista e detalhada das coisas. Assim sendo, compreende-se o rigor e método aplicado ao trabalho.

Em termos práticos, esta carta significa que se ainda não descobrimos o nosso talento estamos prestes a fazê-lo, caso já o tenhamos descoberto vamos trabalhar muito até ao perfeito momento em que nos podemos considerar especialista numa área. Caso já tenhamos atingido a excelência do nível de competência e caso já desempenhemos o mesmo trabalho com perseverança por tempo longo, deveremos ter cuidado em renovar a aprendizagem de técnicas mais modernas, porque poderá ser necessário alargar os horizontes. Também pode significar, pela negativa, de que o trabalho é excessivo e o tempo despendido o afaste da vida pessoal e familiar. Esteja bem sintonizado com estas questões, de modo a perceber os tempos adequados e corrigir eventuais discrepâncias.

Nome: Shadowscapes Tarot; Criador: Stephanie Pui-Mun Law; Publicação: Llewellyn 2010

RAINHA ESPADAS

TAROT – CARTA DO DIA

ADJECTIVOS -Pragmática; -Astuta; -Despretensiosa; – Frontal; -Realista; -Franca e; -Inovadora.

FRASES RÁPIDAS -Pessoa objectiva, frontal, honesta e de raciocínio rápido; -Intelecto vivo; -Personalidade forte e; -Muito critica.

Quando esta rainha chega ao trono, visto tratar-se de espadas que estão ligadas ao intelecto, espera-se que use a sua capacidade de análise rápida ajustando-a às diferentes situações. Aliás, tal acontece na maioria das vezes, exceptuam-se naquelas situações, onde o rigor e grau de exigência ultrapassam o comum, fazendo desta rainha quase uma tirana, sendo esta situações caracterizadas por ausências completas do lado emocional que tornam, esta governante, muito fria.

Pela positiva, representa uma alteração de velhos hábitos de pensar que governam a sociedade. Com ela, o velho fica para trás, dando lugar a uma nova forma de pensar e estar, resultado da sua boa integração da natureza interna mental e a sua expressão emocional.

Quando sai esta carta, poderá indicar a tentativa de libertação de dogmas e conceitos enraizados, questionando-se até que ponto isto será valido e, a continuação do seu uso trará opressão e regressão no modo de pensar e de se relacionar com os outros ao nível intelectual. É importante, a análise da forma de intelectualizar as questões, donde têm origem velhas crenças, analisar as pessoas com quem nos relacionamos diariamente, nomeadamente cônjuge, filhos, colegas de trabalho, chefias, etc, verificar se será importante efectuar alguma alteração na forma de pensamento, para o que seja velho seja deixado para trás e o novo trabalhado afim das ideias serem arejadas e a sua vida também.

Nome: Golden Tarot of Klimt; Criador: A. Atanassov; Publicação: Lo Scarabeo 2005

3 OUROS

TAROT – CARTA DO DIA

3 – OUROS – Esta carta está associada a Marte em Capricórnio, posição onde o Marte está exaltado. Capricórnio representa a cabra montanhesa que resiste a tudo e a todos. Marte aqui, está direccionado para a construção e os resultados práticos, com uma boa organização, estrutura, onde não lugar para ambiguidades, o planeamento está em destaque, trabalho em equipa é procurado e a maturidade profissional demonstrada.

Esta carta é conhecida pelos “Trabalhos Materiais” ou mais simplesmente “Os Trabalhos”, ou seja, a matéria é transformada por meio do trabalho. Com o tempo, o regozijo e orgulho virão pela sensação de obra concluída devido ao talento e capacidade efectivamente reconhecidos.  Se bem colocada espere êxito, caso contrário, poderá haver perda de direcção maior com exagero de tempo nos detalhes, ou então estar demasiado dependente na opinião dos outros, não conseguindo seguir o seu próprio caminho.

Nome do Baralho: Shadowscapes Tarot ; Criador: Stephanie Pui-Mun Law ; Publicação: Llewellyn 2010